Haz traz a tradição da culinária árabe

Falafel com homus, picles de repolho roxo e tabule

 

A chef Katia Hannequim, há quase uma década no comando de um bufê, é quem está à frente do Haz (sorte, em árabe). Misto de bistrô e bar, o local tem muito mais do que apenas esfihas, quibes e burecas – ele passeia pelo Mediterrâneo e traz sabores pouco conhecidos da rota de especiarias que começa no Marrocos e termina na Turquia. A propósito, Ras El Hanout é o nome de um mix de condimentos conhecido como “Rei dos Temperos”. Inicie os trabalhos com as mezzes (entradinhas clássicas como homus, babaganoush e coalhada seca para espalhar pelo pão sírio) e, na sequência, prove as caftas de carne de cordeiro envoltas em paus de canela, a shakshuka (ovos em molho de tomate com cominho e pimenta harissa), o falafel, a moussaka e os charutinhos de folha de uva. Guarde um espacinho para a sobremesa e delicie-se com os docinhos de pistache e amêndoas.

Haz: Praça Santos Dumont, 126, Baixo Gávea, tel. 21 3114-0780.

230
VISUALIZAÇÕES