Restaurantes se mobilizam e trazem novidades para o Dia do Veganismo

Dia 1 de novembro é celebrado o Dia do Veganismo. Surgida em 1994, por intermédio de Louise Wallis, presidente da Vegan Society, a data celebra em todo o planeta a consciência vegana, ou seja, um ato de protesto contra o consumo de produtos de origem animal.

Para comemorar a data, alguns lugares em São Paulo incrementaram seus cardápios com novas opções veganas. A 1900 Pizzeria trouxe novas pizzas doces com receitas que não levam ingredientes de origem animal nem na massa nem na cobertura. Os novos sabores são: Chocolate Vegano (R$ 89,90); Chocolate vegano com morango (R$ 94,90); e Banana com chocolate vegano (R$ 73,30).

Pizzaria traz novas pizzas doces para o Dia do Veganismo

Pizza de chocolate vegano com morango, da 1900. Foto: Alan Simaro / Divulgação

No cardápio há duas sugestões salgadas também: Vivere, com requeijão vegano (a base de inhame), tomate cereja, azeitonas pretas e manjericão (R$ 89,30); e a Verdi, feita com palmito, requeijão vegano e alcaparras (R$ 89,80). Há também possibilidade de trocar o queijo em qualquer outro sabor do menu com cobrança a parte de R$ 12 (na pizza grande). A pizzaria também incluiu o movimento “Segundo sem carne”, que inicia a partir do dia 4 de novembro. No caso, todos os pedidos de pizzas veganas feitos às segundas-feiras terão 20% de desconto.

Também participando do Dia do Veganismo, o Fortunato Bar apresenta um novo menu vegetariano e vegano. O cardápio traz sugestões de petiscos como guacamole com chips de raízes e sweet chillli R$ 36; escondidinho de cogumelos e espinafre R$ 39; pizzinha de cogumelos e queijo parmesão na massa integral R$ 32.

Guacamole é uma das novas opções de petiscos no Fortunato Bar. Foto: Lígia Skowrowski / Divulgação

Já entre os pratos, as opções são espaguetti de abobrinha caprese, que leva pesto de manjericão, muçarela de búfala e tomatinho confit com lascas de parmesão (R$ 44); e quibe de abóbora com quinoa feito com cebola roxa caramelizada, nozes e salada verde (R$ 46).

Na área dos doces, a gelateria Davvero também elaborou uma seleção de sabores veganos, que não levam ingredientes de origem animal. As opções incluem o Chocolate sem lactose, feito 100% sem lactose, criado especialmente para os clientes veganos e os alérgicos à proteína do leite. Além disso, tá também os sabores a base de água, como o Frutti di Bosco, Manga, Morango Diet, Limão Cravo. Os preços variam de R$ 13 a R$ 17 para copinhos e casquinhas.

Chocolate sem lactose, da Davvero. Foto: Henrique Peron / Divulgação

Para quem não pretende sair de casa no Dia do Veganismo, a dica é fazer seu próprio prato. Para te ajudar, alguns chefs de hotéis Hilton no Rio de Janeiro ensinam receitas de pratos veganos.

O Chef Pablo Ferreyra, do Hilton Copacabana, ensina a receita do ceviche de caju com crocante de batata baroa, opção que está no cardápio do novo Isabel Lounge, localizado no 39o andar do icônico hotel:

Ceviche de caju com chips de batata baroa

Ceviche vegano, feito pelo chef Pablo Ferreyra, do Hilton Copacabana. Foto: Isabel Lounge / Divulgação

Ingredientes para 10 pax

Ceviche de caju:

Caju fresco                                                                      800 g

Pimentão vermelho                                                      2 und

Pimentão amarelo                                                        2 und

Cebola roxa                                                                    2 und

Suco de limão Thaiti                                                    2 und

Tabasco                                                                           3 gotas

Coentro picado                                                              5 g

Pimenta dedo de moça sem sementes                      1 und

Sal                                                                                     a-g

Pimenta do reino                                                           a-g

Flor de sal                                                                       1 pitada

Chips de batata baroa:

Batata baroa                                                                   400 g

Óleo de girassol                                                             500 ml

Modo de preparo:

Cortar o caju fresco em cubos de ½ cm. Cortar as cebolas roxas em juliane. Cortar os pimentões em cubos pequenos e a pimenta dedo de moça. Temperar com sal, pimenta do reino, tabasco, coentro e suco de limão. Deixar descansar por 5 minutos. Por último acrescentar o leite de coco. Servir com uma pitada de flor de sal para finalizar o prato. Para os chips de batata baroa, fatiar a batata com 2 mm de espessura em uma mandolina e fritar no óleo de girassol. Acompanhar com chips de batata baroa.

Já o Chef Moreno Colosimo, do Hilton Barra Rio de Janeiro apresenta a receita do Hambúrguer de tofu empanado com quinoa na berinjela com maionese vegana  de manjericão e pickles de chipotle.

Hambúrguer vegano, feito pelo chef Moreno Colosimo, do Hilton Barra Rio de Janeiro. Foto: Leonardo Braga / Divulgação

Ingredientes:

  • 120gr de tofu
  • 20ml leite de soja
  • 30gr de Quinoa pré cozida
  • 120gr de berinjela
  • 10gr de couve grelhada
  • 20gr tomate em rodela
  • 100gr de manjericão
  • 3gr xantana
  • 20ml de azeite extra virgem
  • 20ml de óleo de milho
  • 20gr de pickles de chipotle
  • 30gr de chips de batata doce

Modo de preparo:

  • Temperar o tofu com sal e pimenta do reino
  • Passar no leite de soja e empanar na quinoa pré-cozida
  • Selar na frigideira até dourar em ambos os lados
  • Cortar a berinjela na forma de pão e assar no forno a 180° por 15min.
  • Bater o manjericão no liquidificador e coar em seguida
  • Voltar para o liquidificador e emulsionar com azeite e óleo de milho com a goma xantana até tomar consistência
  • Montar o hambúrguer intercalando com a couve grelhada e tomate
  • Servir acompanhado de chips de batata doce
876
VISUALIZAÇÕES