Rede Divino Fogão é premiada por oferecer consultoria e ter boa comunicação com os seus franqueados

Pratos do Divino Fogão

A Associação Brasileira de Franchising (ABF) destaca anualmente marcas que são reconhecidas no mercado de franquias. Em 2019, a rede Divino Fogão recebeu o prêmio de Franqueador do Ano. O segmento de alimentação teve o maior faturamento, com crescimento de 7% em um ano, e a consultoria é a aposta do presidente da marca, Reinaldo Varela, para manter o trabalho de expansão.

Em Mirandópolis, no interior de São Paulo, o cheiro de comida de fazenda vinha das receitas da Dona Luiza, a vó Iza de Reinaldo. Ele uniu o talento na cozinha da avó, a expertise em comércio da esposa, Nani Scaburi, e a sua paixão por gastronomia para abrir o primeiro restaurante da família em Pinheiros, há 35 anos.

Do bairro da zona oeste, o clã foi para o Shopping Eldorado. “Na praça de alimentação cheia de fast foods, nós nos diferenciamos por proporcionar uma refeição presente no dia a dia dos brasileiros”. Ali eles perceberam a oportunidade de crescimento em shoppings e iniciaram o plano de expansão de franquias.

Hoje, são 187 unidades do Divino Fogão no país. Estando em diferentes lugares, foi necessário alinhamento. “Investimos em consultoria de campo, ferramentas de marketing e ações nas redes sociais para que todos estejam coesos”, afirma Reinaldo. O franqueado no Shopping Bossa Nova Mall, no aeroporto Santos Dumont, Francisco Wolff, conta que passou por uma verdadeira imersão e que o contato com a marca é constante: “Tivemos treinamento da franqueadora em diferentes áreas, como administração e departamento financeiro e falamos diretamente com eles”.

Para ser uma franqueadora de sucesso, André Friedheim, presidente da ABF, enfatiza que, quando uma empresa abre franquias, deve haver uma mudança de mentalidade. “Agora, ela não apenas administra seus negócios diretamente, mas conta com os parceiros franqueados”.

Segundo André, uma boa franqueadora está baseada em um planejamento em que se desenha quais partes do negócio serão replicados, os suportes que serão oferecidos e os recursos compartilhados. Estabelecer canais adequados de discussão com os franqueados é uma boa prática para consolidar as estratégias da marca. “Focar apenas em e-mails não é suficiente. Creio que as redes devam usar todo o arsenal disponível: consultoria de campo, meios de comunicação interna, convenções de vendas e os Conselhos de Franqueados, como uma instância formal de consulta”.

O prêmio de Melhor Franqueador da ABF avalia qual é o real apoio fornecido pela marca, desde o processo de seleção do franqueado até o cumprimento das estimativas de lucratividade.

560
VISUALIZAÇÕES