Festival de Dança de Joinville acontece de 16 a 27 de julho com releituras de espetáculos da Broadway

Ensaio de companhia de dança que estará no Festival deste ano

As influências da colonização alemã podem ser percebidas nas construções, na gastronomia e no estilo de vida de Joinville, em Santa Catarina. A cidade também é conhecida por sua paixão pela dança, principalmente o balé clássico. Afinal, além de acolher, há 19 anos, a Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, a única filial do famoso Teatro Bolshoi da Rússia, Joinville é sede do Festival de Dança.

Criado em 1983, o evento é considerado o Maior Festival de Dança do Mundo pelo Guinness Book por causa de seus números expressivos: são mais de sete mil participantes diretos e um público superior a 230 mil pessoas durante os onze dias de festival.

No dia 17 de julho, o espetáculo de abertura, dirigido por Fernanda Chamma, faz uma releitura de trechos de famosos espetáculos da Broadway e West End, entre eles “Fantasma da Ópera”, Wicked” e “Hairspray”. Mostras dividem os palcos em estilos distintos.

Na Mostra Competitiva e na Meia Ponta, o público tem contato com coreografias de jazz, dança contemporânea, balé clássico de repertório e danças urbanas. Apresentações em ginásios, shoppings e supermercados de Joinville também recebem grupos de todos os gêneros, com cerca de 200 horas de apresentações gratuitas. Os ingressos estão à venda no site festivaldedanca.com.br

369
VISUALIZAÇÕES