Hotéis de sonho na Itália para mergulhar na história do país

Hotel Baglioni Veneza, em uma das cidades italianas mais visitas por brasileiros

País de beleza estonteante e história milenar, a Itália também sabe acolher o visitante em hotéis, villas, castelos e pousadas aconchegantes, elegantes e charmosos. Em toda a bota não faltam opções diversas de hospedagem. Cidades que são verdadeiras joias arquitetônicas como Veneza, Florença e Roma (aliás, elas são as mais visitadas pelos brasileiros) reservam lugares de sonho, como os hotéis da bandeira Baglioni.

A famosa rede foi fundada em 1974, quando Roberto Polito e sua esposa Lisa inauguraram o primeiro hotel Baglioni em Punta Ala, no litoral da Toscana, com o objetivo de criar um conceito único de excelência e hospitalidade italiana, planejado como uma experiência de vida. Hoje, eles têm seis incríveis hotéis na Itália, além de propriedades na França, na Inglaterra e nas Maldivas.

Um destaque, sem dúvida, é o Baglioni de Veneza, que ocupa um palácio que remonta ao século 12. A um minuto a pé da Praça de São Marcos, com cais privativo para chegar de gôndola ou táxi aquático, ele tem suítes com incríveis vistas panorâmicas e um ambiente que é puro glamour. O café da manhã servido no espetacular salão de festas Marco Polo, com afresco original do século 18, é por si só uma experiência.

Outro hotel inesquecível da rede é o de Florença, instalado em um palácio do século 18, em uma rua tranquila do miolo histórico da cidade. Os 24 quartos têm vistas dos telhados de Florença, do Duomo e da Basílica de Santa Croce – algumas suítes, como a Real Santa Croce, têm 260 m² de luxo e encantamento. O hotel abriga um dos mais renomados restaurantes da Itália, Enoteca Pinchiorri, detentor de 3 estrelas Michelin.

Já o Grand Hotel Excelsior Vittoria é uma das melhores escolhas em Sorrento, com vista para o belo Golfo de Nápoles. A cidade fica perto de Nápoles e de Pompeia e a meia hora de barco da ilha de Capri. Fundado em 1834, ele é um marco na região, pois está fincado em uma área rica em vestígios arqueológicos.

O Grand Hotel Excelsior, em Sorrento

As ruínas de uma villa pertencente ao imperador romano Augustus ficam abaixo da propriedade e os restos de uma piscina romana ainda podem ser vistos – ao lado da bela piscina do hotel. Administrado pela quinta geração da família Fiorentino, clã que já teve hotéis em Nápoles e em Milão, o Excelsior foi todo restaurado e remodelado com os confortos modernos, mas não perdeu o seu ar elegante do estilo vitoriano.

Por isso mesmo é o endereço favorito de celebridades da realeza, da literatura e das artes. Já hospedou figuras como a Imperatriz Sissi da Áustria e a grã-duquesa Catarina da Rússia; artistas como Sophia Loren, Brian De Palma, Barbra Streisand e Luciano Pavarotti, além de personalidades do show business atual. Também foi cenário de filmes clássicos como “Avanti”, estrelado por Jack Lemmon e Juliet Mills, e “Qualcosa di Biondo”, com Sophia Loren e Philippe Noiret.

Obras do século 18 e 19, pinturas napolitanas, móveis dos períodos de Luís 16 e peças art nouveau adornam os quartos e salões. Um exemplo é a sala de leitura, com seu teto decorado com incríveis afrescos. Um hotel de sonho e que pode ser o ponto alto de uma viagem a Sorrento, destino próximo da cobiçada Costa Amalfitana.

Saiba mais:

Hotéis Baglioni
www.baglionihotels.com

Grand Hotel Excelsior Vittoria
www.excelsiorvittoria.com

65
VISUALIZAÇÕES