Samsonite coleciona sucessos e vem crescendo no Brasil

A executiva Anna Chaia, da Samsonite

Com 25 anos de experiência em varejo – foi presidente da L’Occitane no Brasil e diretora da Swarovski –, a paulista Anna Chaia comanda, desde 2015, a operação Mercosul da marca americana Samsonite, líder no mercado de malas no mundo.

Nesses três anos à frente da empresa, Anna montou um arrojado plano de expansão que disparou o crescimento da operação brasileira. “Em 2018 a Samsonite global cresceu 10%, a América Latina 15%, e o Brasil 52%”, revelou Anna, durante entrevista na sede da marca, em São Paulo.

O sucesso, segundo a executiva, aconteceu devido à estratégia de expansão. “Optamos por abrir lojas próprias, o que é inovador. No mundo todo a marca está presente só em lojas de departamento. E mesmo em plena crise decidimos investir em equipe, sistemas e infraestrutura. Isso foi assertivo e trouxe resultados”.

Em três anos, a Samsonite abriu 38 lojas no país e lançou o seu plano de expansão de franquias. “O objetivo é fechar 2019 com mais de 40 pontos e alcançar 100 franquias em dois anos, especialmente no Norte e no Nordeste”.

Produto 100% sustentável

Marca de 109 anos criada pelos Irmãos Shwayder, que iniciaram o negócio em Denver produzindo robustas malas de madeira, a Samsonite vem investindo continuamente em qualidade, tecnologia, design e inovação. Lançou em 1962 a primeira mala de negócios em magnésio, em 1974 a primeira mala com rodinhas, em 2002 o primeiro produto com estrutura rígida, embora leve, e em 2005 a primeira bagagem com sistema de fecho multi-ponto.

Nos últimos dez anos, o investimento em novos materiais e design tem crescido ainda mais. A linha Cosmolite, por exemplo, com dez anos de garantia, é conhecida por sua alta durabilidade, resistência e incrível leveza. “Ela passa por vários testes, desde o ‘crash test’, em que é pressionada por dois carros, até provas de queda. Uma vez jogaram uma mala de um helicóptero”. E quebrou? “De jeito nenhum”, frisa, rindo, a executiva.

Outra inovação da marca é a linha recém-lançada Eco-Lite (na foto à esquerda), a primeira feita 100% com garrafas pet. Ela tem uma parceria com a SOS Mata Atlântica: 5% das vendas dos produtos vão para a associação.

Como viaja muito, Anna tem “bagagem” para falar das melhores malas. Além das duas citadas acima, ela usa bastante a Octolite, que tem expansor. “Os brasileiros adoram expansor, já que amam fazer compras.

Outro sucesso aqui é a linha de bolsas femininas e as novas bagagens de mão”, diz a executiva, ressaltando que a empresa criou produtos para o mercado brasileiro, adequados às novas regras da Anac. “Eles cabem direitinho nas caixinhas das companhias aéreas”.

667
VISUALIZAÇÕES